31 de janeiro de 2008

As opções que fazemos

A vida é feita de opções.
Já me arrependi de algumas que fiz, mas depois de algum tempo dei sentido à elas.
Hoje consigo ter mais clareza das consequências das opções que faço. Algum tempo atrás isso era mais difícil, eu era mais impulsiva. Sofri muito...
Nossa!! Às vezes paro pra pensar em coisas que fiz, burrices que cometi... Não as repetiria! Algumas geram até hoje muitas risadas, outras me envergonham...
Mas como a vida é feita de opções, nunca podemos fugir delas.Sempre teremos que escolher. As escolhas nos comprometem, são como assinatura. Não tem como escapar.
Quando trabalhei em uma determinada empresa, alguns anos atrás, tive uma colega que me fez perder a paciência muitas vezes... Toda vez que vinha uma proposta, onde todas as funcionárias daquele setor precisassem tomar uma decisão ela travava todo mundo. Nunca queria "dar a cara pra bater". Nossa! Isso me irritava muito. Muitas vezes perdíamos horas decidindo que caminho tomar, e lá vinha ela freiando todo mundo e não querendo optar por alguma das propostas. Sempre temi ficar assim, sem assumir uma posição, sem optar por alguma coisa com medo ou receio de julgamentos ou pré-conceitos.
Mas aprendi uma coisa com essa situação, mesmo que você escolha não optar, você já optou...
















Minha mãe não deixa eu brincar com fogo!

6 comentários:

  1. É isso aí.Falou e disse.E obrigada pela visita.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pela visita e o comentário.
    Este é um bom ambiente e está linkado lá!
    Adorei este texto!

    ResponderExcluir
  3. As minhas flores também não têem gordura trans!
    Vejo que já temos algum em comum: blogs que abrem o apetite...
    =D

    Vou te linkar tb

    Tenha boas escolhas essa semana
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Fazer escolhas é mais difícil do que parece. E muitas vezes realizamos tal feito sem nos darmos conta disso, como você mesma disse.

    O texto do Leonardo Boff é muito bom e eu já tinha lido antes, mas os seus são mais gostosos de ler... o grande barato dos blogs não é ler aquilo que todo mundo já conhece e sim, de gente como a gente...que erra, acerta, fica na dúvida, faz escolhas....rs

    Lindo blog, suave, aconchegante, as músicas dão o toque final de leveza.

    Linkarei (verbo novo rs) você lá no meu blog tb. Seja bem vinda.

    Inté!
    =)

    ResponderExcluir
  5. Ola amiga!
    Claro que pode me linkar, não precisa nem pedir...
    Um super bjo pra tu!

    ResponderExcluir
  6. Grande verdade!
    Gostei da conclusão desse texto. ;)

    Beijo e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

31 de janeiro de 2008

As opções que fazemos

A vida é feita de opções.
Já me arrependi de algumas que fiz, mas depois de algum tempo dei sentido à elas.
Hoje consigo ter mais clareza das consequências das opções que faço. Algum tempo atrás isso era mais difícil, eu era mais impulsiva. Sofri muito...
Nossa!! Às vezes paro pra pensar em coisas que fiz, burrices que cometi... Não as repetiria! Algumas geram até hoje muitas risadas, outras me envergonham...
Mas como a vida é feita de opções, nunca podemos fugir delas.Sempre teremos que escolher. As escolhas nos comprometem, são como assinatura. Não tem como escapar.
Quando trabalhei em uma determinada empresa, alguns anos atrás, tive uma colega que me fez perder a paciência muitas vezes... Toda vez que vinha uma proposta, onde todas as funcionárias daquele setor precisassem tomar uma decisão ela travava todo mundo. Nunca queria "dar a cara pra bater". Nossa! Isso me irritava muito. Muitas vezes perdíamos horas decidindo que caminho tomar, e lá vinha ela freiando todo mundo e não querendo optar por alguma das propostas. Sempre temi ficar assim, sem assumir uma posição, sem optar por alguma coisa com medo ou receio de julgamentos ou pré-conceitos.
Mas aprendi uma coisa com essa situação, mesmo que você escolha não optar, você já optou...
















Minha mãe não deixa eu brincar com fogo!

6 comentários:

  1. É isso aí.Falou e disse.E obrigada pela visita.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pela visita e o comentário.
    Este é um bom ambiente e está linkado lá!
    Adorei este texto!

    ResponderExcluir
  3. As minhas flores também não têem gordura trans!
    Vejo que já temos algum em comum: blogs que abrem o apetite...
    =D

    Vou te linkar tb

    Tenha boas escolhas essa semana
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Fazer escolhas é mais difícil do que parece. E muitas vezes realizamos tal feito sem nos darmos conta disso, como você mesma disse.

    O texto do Leonardo Boff é muito bom e eu já tinha lido antes, mas os seus são mais gostosos de ler... o grande barato dos blogs não é ler aquilo que todo mundo já conhece e sim, de gente como a gente...que erra, acerta, fica na dúvida, faz escolhas....rs

    Lindo blog, suave, aconchegante, as músicas dão o toque final de leveza.

    Linkarei (verbo novo rs) você lá no meu blog tb. Seja bem vinda.

    Inté!
    =)

    ResponderExcluir
  5. Ola amiga!
    Claro que pode me linkar, não precisa nem pedir...
    Um super bjo pra tu!

    ResponderExcluir
  6. Grande verdade!
    Gostei da conclusão desse texto. ;)

    Beijo e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...