27 de fevereiro de 2009

Hummm

Recebi este selo do MORANGO COM LEITE CONDENSADO, delícia né?!
http://morangocomleitecondensado.blogspot.com


Selo "Literatura é Arte!"
Regras do Prêmio:
- Escrever uma lista com 8 coisas características suas (personalidade).
- Convidar 8 parceiros(as) de blogs amigos para responder.
- Comentar no blog de quem nos convidou.
- Comentar no blog dos nossos(as) convidados(as), para que saibam da “convocação”.
-Mencionar as regras.


As características de minha personalidade:

1. Adoro detalhes!
2. O riso é garantido.
3. Choro sem motivo.
4. Se digo que tô contigo, vou até o fim!
5. Pontualidade é meu segundo nome.
6. Já falei comilona?
7. Música me faz bem e
8. Sou amiga mesmo e inimiga também! Ahahah

Meus 8 convidados ao PRÊMIO!

http://porentreletras.blogspot.com
http://georgio-rios.blogspot.com
http://docekeri.blogspot.com
http://arvoreando.blogspot.com
http://sempreemtransito.blogspot.com

http://lotusayune.blogspot.com
http://paixpournous.blogspot.com
http://esteranca.blogspot.com


Abraços!


Da série MARÇO chegando e a idade também!

http://equilibrioctb.blogspot.com/2008/11/sim-e-no-em-busca-do-equilbrio.html

26 de fevereiro de 2009

Se decidam viu?

Na terça-feira 17, o Instituto Nacional do Câncer, na França, divulgou um documento no qual listava os principais fatores que aumentam o risco da doença e também aqueles que ajudam a proteger os indivíduos da enfermidade.

Encabeçando a relação das maiores ameaças estavam as bebidas alcoólicas. Todas, inclusive o vinho. De acordo com a instituição francesa, o consumo diário de apenas uma taça aumenta consideravelmente a chance de uma pessoa desenvolver tumores. Por isso, a recomendação dos especialistas foi a de que os franceses parem de tomar qualquer bebida contendo álcool. Ou que pelo menos diminuam as doses e a frequência de consumo.
Segundo os franceses, beber uma taça por dia de qualquer produto do gênero eleva em 9% o risco de uma pessoa ter tumores de cólon, em 28% o de surgimento de câncer de esôfago e em até 168% a possibilidade de o indivíduo vir a sofrer de um câncer de boca, faringe ou laringe.
Segundo os franceses, a principal causa desse aumento de risco é a transformação, no organismo, do etanol da bebida em acetaldeído, molécula carcinogênica. No Brasil, porém, o cirurgião Luiz Paulo Kowalski, diretor do Departamento de Cirurgia da Cabeça e do Pescoço do Hospital A. C. Camargo, em São Paulo, pondera a questão. De acordo com ele, há indivíduos que conseguem transformar o composto em um outro, o acetato, inofensivo ao organismo.
Enquanto isso, o ovo, que já foi banido do cardápio, acusado de aumentar o colesterol ruim, foi reabilitado. Um trabalho da Universidade de Surrey, na Inglaterra, mostrou que o consumo diário de dois ovos por dia não eleva o nível da gordura no sangue. Os cientistas compararam as taxas de colesterol em dois grupos de pacientes que estavam em dieta e que foram acompanhados por 12 semanas. Um ingeriu dois ovos diariamente e o outro, não. Ao final, todos perderam peso e apresentaram queda na quantidade da gordura.

Se decidam viu?

24 de fevereiro de 2009

É por amor!




É por amor!
Sim, é por amor à vida que cantamos e tantas vezes choramos também.
É por amor à vida que estamos lutando e vamos andando lentamente para buscar a luz e a liberdade das manhãs de sol!

É por amor!
Sim, é por amor à vida, evidentemente, que encaramos de frente essa imensa dor que se nos impõe nesse reinado amargo do ódio presente!
É por amor à vida que estamos nas ruas, nas praças, nas estradas e gritamos palavras de ordem de uma nova ordem!

Sim, é por amor
É por amor à vida que marchamos nas madrugadas de lua nova levando nos braços a fúria das tempestades prontos a resgatar a terra que nos tomaram.
Vamos replantar as flores e as sementes que há séculos estão em cio!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que profundamente doloridos recolhemos em nossos braços os que foram brutalmente feridos e quando já não podemos devolver-lhes a respiração nós comungamos de seu sangue e os fazemos ressuscitar em milhares de vidas e sorrisos!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que escrevemos nas pedras os poemas da esperança rebelde que pichamos nos muros e nas portas as frases corajosas de um futuro novo que dançamos nas festas de sábado no batuque do carnaval de um povo livre!

É por amor que nos abraçamos
Que nos beijamos na esquina e já não tememos andar de braços dados seguindo a bandeira da paz e da ternura consequente!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que desesperadamente amamos!


Zé Vicente

21 de fevereiro de 2009

Idade certa...

Existe somente uma idade para a gente ser feliz. Somente uma época na vida de cada pessoa...

em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldade e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer

Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida à nossa própria imagem e semelhança e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor...

Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo novo, de novo e de novo,e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se....



...PRESENTE e tem a duração do instante que passa...








VIVA!

20 de fevereiro de 2009

É carnaval...Escolha seu bloco!

Lembro dos meus primeiros carnavais...
Eram bons, mais inocentes, mais divertidos!
Minha mãe levou-me no primeiro aos 6 meses de idade, depois quando cresci fui em alguns bailes, mas depois vi que a coisa perde o sentido...

Ainda existem festas boas e divertidas pelo Brasil, umas mais tradicionais e livres, outras mais "mercadológicas", outras mais televisivas e pra "inglês ver"...
Particularmente gostava da emoção dos blocos, da "junção", da combinação pra fazer a roupa, o clima que envolvia, amigos, alegria, etc...

Pelo Brasil afora existem muitos blocos de carnaval! Cada um mais criativo que o outro!

Eis alguns nomes que selecionei, escolha o seu...

Recife-Olinda
Eu Acho é Pouco
Ceroulinha
Quanta Ladeira
Filhos de Glande
Vai morrer pra lá
Vai dar na praia
Acorda pra tomar gagau
Que sunga horrível
As Virgens de Olinda

Rio de Janeiro
Vem ni mim que eu sou Facinha
Xupa mas não baba
Se não quer me dar... me empresta
Cutucano Atrás
Bangalafumenga
Bafo da Onça
Meu Bem, Volto Já
Concentra mas não sai
Empurra que pega
Suvaco de Cristo
Quem num Guenta Bebe Água
Azeitona Sem Caroço
Cordão Agoniza Mas Não Morre
Me Beija Que Sou Cineasta
São Paulo
Unidos da Maria Antônia
Classe A
Bloco da Ressaca
Baita Clã
Confraria do Pasmado
Bloco das Emílias e Viscondes
Bloco dos Esfarrapados
Bloco Agora Vai
Não trema na linguiça
Para entrar no clima! hehe

19 de fevereiro de 2009

Pelos olhos de uma criança

Quando olho dentes de leão, eu vejo ervas daninhas invadindo meu quintal.Meus filhos vêem flores para mamãe e sopram a penugem branca pensando em um desejo.

Quando olho um velho mendigo que me sorri, eu vejo uma pessoa suja que provavelmente quer dinheiro e eu me afasto. Meus filhos vêem alguém sorrir para eles e sorriem de volta!

Quando ouço uma música, eu gosto. Mas não sei cantar e não tenho ritmo; então me sento e escuto.

Meus filhos sentem a batida e dançam, cantam e não sabem a letra, criam a sua própria.

Quando sinto um forte vento em meu rosto, me esforço contra ele, sinto-o atrapalhando meu cabelo e empurrando-me para trás enquanto ando.

Meus filhos fecham seus olhos,abrem seus braços e voam com ele,até que caiam a rir pela terra.

Quando oro, eu digo tu e vós e conceda-me isto, dê-me aquilo.

Meus filhos dizem,''Olá Deus! Agradeço por meus brinquedos e meus amigos!! Por favor, mantenha longe os maus sonhos hoje à noite. Eu ainda não quero ir para o céu. Eu sentiria falta de minha mamãe e do meu papai".

Quando olho uma poça de lama eu dou a volta. Eu vejo sapatos enlameados e tapetes sujos.

Meus filhos sentam-se nela. Vêem represas para construir, rios para cruzar e bichinhos para brincar.

Eu só queria saber se os filhos nos foram dados para lhes ensinarmos ou para aprendermos.


Eu recomendo que você aprecie as pequenas coisas da vida, porque um dia poderá olhar para trás e descobrir que eram grandes coisas.


E, pra finalizar, desejo a você grandes poças de lama... E dente-de-leão!!!


[Desconheço autor]

17 de fevereiro de 2009

Chove no meu coração!


Dia molhado, meu rosto também.
Um frio úmido em eu coração.
É ausência...

As gotas das árvores, são minhas lágrimas.
Ar molhado, sufocante...

Hoje anoiteceu quando o dia raiou.
Não sei se é a hora ou o momento...

Chove em meu coração.
Chuva de inconstância e inquietudes!

Retiro voluntário faço eu.
Cada gota que cai parece o tempo contando...
São gotas de esperança!
E essa chuva miúda que não passa,
Enquanto minha vida se decide...

Chove em meu coração, uma garoa teimosa...
Sozinha, com sabor de presença.

E essa chuva traz um mar de ilusões, pensamentos...
Grandes demais para mim!

E as nuvens estão indo... Doces e com cheiro de novo!
Chove em meu coração, uma chuvinha refrescante...
E assim vai ser, o dia todo!

16 de fevereiro de 2009

Mundo!

Um cientista muito preocupado com os problemas do mundo passava dias em seu laboratório, tentando encontrar meios de minorá-los.

Certo dia, seu filho de 7 anos invadiu seu santuário decidido a ajudá-lo. O cientista, nervoso pela interrupção, tentou fazer o filho brincar em outro lugar.

Vendo que seria impossível removê-lo, procurou algo que pudesse distrair a criança. De repente, deparou-se com o mapa do mundo. Estava ali o que procurava.

Recortou o mapa em vários pedaços e, junto com o rolo de fita adesiva, entregou ao filho dizendo:

- Você gosta de quebra-cabeças? Então vou lhe dar o mundo para consertar: Aqui está ele todo quebrado.Veja se consegue consertá-lo bem direitinho! Mas faça tudo sozinho!

Pelos seus cálculos, a criança levaria dias para recompor o mapa.
Passadas algumas horas, ouviu o filho chamando-o calmamente.

- Papai, pai, já terminei tudinho! A princípio, o pai não deu credito às palavras do filho. Seria impossível na sua idade conseguir recompor um mapa que jamais havia visto.

Relutante, o cientista levantou os olhos de suas anotações, certo de que veria um trabalho digno de uma criança. Para sua surpresa, o mapa estava completo.
Todos os pedaços haviam sido colocados nos devidos lugares. Como seria possível? Como o menino havia sido capaz?

- Você não sabia como era o mundo, meu filho, como consegiu?

-Pai, eu não sabia como era o mundo, mas quando você tirou o papel da revista para recortar, eu vi que do outro lado havia a figura de um homem.

Quando você me deu o mundo para consertar, eu tentei, mas não consegui.

Foi aí que me lembrei do homem, virei os recortes e comecei a consertar o homem que eu sabia como era. Quando consegui consertar o homem, virei a folha e vi que havia consertado o mundo.

Autor desconhecido.

15 de fevereiro de 2009

Mano

No dia em que você nasceu, em algum lugar, uma planta floriu, o sol brilhou ainda mais forte, e enquanto o vento se movia pelo oceano, ele sussurrou seu nome...

Lembro dos primeiros meses, pequeninho, lindo...
Nasceu no ano mais importante de minha vida. 1998.

Muitos momentos, nesse pouco de anos que tens, foram inesquecíveis.
O crescimento, os dentinhos trocando, as rebeldias, as "namoradinhas", tudo muito lindo e engraçado.


Sempre que sentir o cheiro da chuva, ouvir o canto dos pássaros, ou uma borboleta colorida ao sol, saiba que alguém pensa em você e lhe deseja muita paz.

Eu amo te amar... És meu mano, único, e meu companheirinho de pipocas e filmes... Ah! De ficar acordada até de madrugada contando histórias.

Felicidades. Muita saúde e alegrias. Que teu riso nunca cesse.
Feliz Aniversário Paulinho!



13 de fevereiro de 2009

Sexta-feira, dia 13... Dia de SELO!

Resolvi "ressuscitar" meu SELO DELÍCIA!
Sim, o Sem Gorduras Trans tem um selo, já havia presenteado alguns blogs com ele.
Que acham de todo dia 13 provarem outros blogs???
Como todo selo tem uma idéia, proposta, etc... O meu não é diferente!
Vi e recebi alguns selos, acho que o que vou propor é legal e ajudará no propósito da "coisa": conhecer os blogs e os/as blogueiros/as!

Eis a idéia:

Vou pedir que os blogueiros que receberem o SELO respondam questões inspiradas em um formato de perguntas seqüenciais que foi consagrado pelo escritor francês Marcel Proust, do começo do século 20.

O escritor francês Marcel Proust (1871-1922), considerados por muitos o autor do maior romance do século XX, "Em Busca do Tempo Perdido", participou, em duas ocasiões festivas, em seus treze e vinte anos de idade, de uma brincadeira que era algo comum em festas de sociedade de seu tempo: preencher um questionário com perguntas pessoais.

Tornou-se célebre ao serem encontrados os manuscritos desses dois questionários respondidos pelo romancista e uma compilação de perguntas deles retiradas passou a ser conhecida como o Questionário de Proust e usada por vários órgãos de imprensa como uma forma interessante de capturar um pouco da personalidade de seus entrevistados. O mais famoso deles é o Proust Questionnaire que a revista americana Vanity Fair publica em sua última página, a cada edição, com as respostas das mais instigantes personalidades daquele país.

Alguém aí lembra dos questionários que fazíamos na infância?? Eu pelo menos respondi e elaborei vários cadernos, onde meus colegas de escola tinham que responder questões pessoais, gostos, etc...

Bom, vamos às REGRAS, ao SELO e ao QUESTIONÁRIO!

REGRAS:

1 - Linkar, seguir e comentar no BLOG que te INDICOU!

2 - INDICAR 3 BLOGS DELICIOSOS e AVISÁ-LOS!

3 - RESPONDER o questionário.

4 - Não alterar as regras e o número de blogs indicados!

5 - Deixar livre se o blogueiro/a não quiser o selo/questionário.

O SELO:











>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
QUESTIONÁRIO:
1 - Quem é você?
2 - Qual o seu ideal de felicidade?
3 - Qual a maior dor que já enfrentou na vida?
4 - Quando chorou pela última vez?
5 - Quando teve um acesso de riso pela última vez? Por quê?
6 - Com que figura histórica você mais se identifica?
7 - Que pessoa viva você mais admira? E a que mais detesta?
8 - Qual o traço que você mais deplora em si mesmo?
9 - Que traço você mais deplora nos outros?
10 - Qual é a sua maior extravagância?
11 - Quem gostaria de ter sido se pudesse viver outra vida?
12 - O que catalogaria como uma grande tragédia na vida?
13 - O que escreveria em sua lápide?
14 - Qual é o seu lema?
15 - Qual você considera ser a mais importante virtude?
16 - Quais são os seus nomes favoritos?
17 - Em que ocasiões você mente?
18 - Que talento você mais gostaria de ter?
19- O que você considera a sua maior conquista pessoal?
20- Como você gostaria de morrer?


OS DELICIOSOS:
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
Espero que gostem da idéia!
Todo dia 13 vou postar o SELO para 3 blogs com as regras.
Talvez o qustionário possa mudar... Vamos ver!
Abraços.

12 de fevereiro de 2009

Comendo palavras



Queria eu poder brincar com as palavras e com elas dizer tudo que sei e sinto.
Voariam elas como bolas de sabão? Estourariam em teus ouvidos?

Talvez teríamos muitas palavras soltas, sem sentido ou razão...
Não seriam como pedras... Sei bem! Sou vidraça afinal!

Eu queria ser porta voz da vida... Afinal muitos não a escutam.
Ou fingem não escutar, é melhor assim.

Queria eu poder brincar com as palavras e com elas desabafar com você.
Aquilo que não disse quando podia e deveria ter dito.

Eu te amo, eu acredito, seja feliz... São tantas...
Seriam apenas palavras soltas, mas as que eu quero dizer!

Algumas palavras me acordam na madrugada. Movimentam-se com velocidade...
Tomam conta de tudo, de mim, de nós. Atropelam meus sonhos.

Queria eu poder brincar com as palavras...Acarinhar você com todas elas!
As palavras são assim, sempre o começo de tudo e, infelizmente, o final!







11 de fevereiro de 2009

Como prece...

Alguns dias são melhores, outros, é melhor esquecer!

Quando anoitecer pense nas coisas boas da vida, nos reencontros, nos risos e lágrimas de felicidade...

Adormeça sonhando com a esperança que traz o amanhã.



Quando o vento soprar desânimo no teu coração e o mundo parecer contra ti, seja paciente!
Assim como o vento, essas tribulações passam...

A bondade e gentileza ainda são as melhores armas.

Busque o vento para o seu sonho, depois deixe seu coração voar livremente...
A noite ainda será a melhor aliada!
Assim como as cores que se desfazem no crepúsculo, trazendo esperança para um amanhã radiante.

Alguns ventos, muitas vezes, nos desviam do caminho.

Mas a habilidade que temos de sonhar nos ajudam a perceber...
E... surpresas boas virão. Como prece...

9 de fevereiro de 2009

A espera

Devia estar perto.
Não está!

As ondas que atigem meus pés são como lembranças...
Vão e voltam. Inconstantes...

Uma apereza fica depois, entre os dedos.
Areia e minhas lágrimas.

No boca aquele salgado da saudade e do mar.
Verde inquieto, igual a esperança... Mas às vezes é azul.

Estou atenta aos sinais que a vida dá.
Calores de alegria, sol de razões frágeis.

Vou segurando meus planos, como areia entre os dedos.
Ondas boas virão, vejo no horizonte...

Estou com meus pés na beira desse oceano de chances,
Miragem de meus sentidos... Todos embriagados pela saudade.

A cada vai e vem das ondas, tudo muda.
Sem um som, nadinha...

E assim vai ser, com paz e alegrias.
Vou guardar as palavras restantes, esperando as próximas ondas...


7 de fevereiro de 2009

Sábado recheado - parte 1

Recebi este selo do amigo blogueiro Glaukitos!





Aí estão as regras:
1- Indicar e linkar a pessoa que te indicou.
http://glaukitos.blogspot.com

2- Postar as regras do selo/meme em seu Blog.
3- Contar os 3 posts, do seu Blog, que você mais tem orgulho de ter feito.
4- Indicar mais 3 pessoas e incluir o link delas no post.
5-Deixar um comentário no Blog indicado, informando a sua indicação.

Três post's que me orgulho:
1) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/ritos.html
2) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/coisas-pro-ano.html
3) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/t-viciada.html

Meus indicados ao meme-selo:
1) http://olhosdemar.blogspot.com
2) http://sempreemtransito.blogspot.com
3) http://brucolita.blogspot.com

5 de fevereiro de 2009

Mil cores




Em voo livre...
Tudo está, neste instante.

Enrolei-me sobre mim mesma.
Casulo profundo...

Manto frágil esse, parece esperança, um tanto amarelada!
As cores todas aí, na minha frente.

Fechei os olhos, enxerguei sons e vultos...
Tentei não enxergar o óbvio... Falhei!

Há uma doçura no horizonte, com mil cores...
Um dia diferente. Será assim.

Enrolarei meu futuro numa fita de presente, lilás...
Meu momentos passados estão naquela caixa, amarela.

Tenho fitas brancas, da calma, farei um laço lindo nos pensamentos.
A certeza será em papel de seda, com muitas fitas ao redor... De mil cores!












4 de fevereiro de 2009

Vida!


Sim, a minha!
Ando enrolando os dias sobre mim!
Talvez precise de uma transfusão, de cores e energias novas!
Sim, a minha vida, anda meio assim...

Sopram ventos fortes, nem sinto.
Apenas sinto uma tempestade cavalgando no horizonte...

Vida! Seguindo, com poucas referências.
Mais dúvidas que dívidas... Isso nem sempre é bom.

Te digo que não sei de onde vem esse rio de impaciência.
Desconheço a nascente, talvez nem queira saber.

Até choro em silêncio, nas lágrimas digo que não sei a distância a percorrer.
Mas posso resolver ir naquele barco, azul, lá no horizonte.

Vida, sim a minha...
Anda abrindo caminhos no silêncio.

Entre ruas coloridas, sons diferentes e um enorme sol lá fora.
Por onde vou decorando o sentido da espera, e hoje, como sempre apenas marcando o bater das horas...

27 de fevereiro de 2009

Hummm

Recebi este selo do MORANGO COM LEITE CONDENSADO, delícia né?!
http://morangocomleitecondensado.blogspot.com


Selo "Literatura é Arte!"
Regras do Prêmio:
- Escrever uma lista com 8 coisas características suas (personalidade).
- Convidar 8 parceiros(as) de blogs amigos para responder.
- Comentar no blog de quem nos convidou.
- Comentar no blog dos nossos(as) convidados(as), para que saibam da “convocação”.
-Mencionar as regras.


As características de minha personalidade:

1. Adoro detalhes!
2. O riso é garantido.
3. Choro sem motivo.
4. Se digo que tô contigo, vou até o fim!
5. Pontualidade é meu segundo nome.
6. Já falei comilona?
7. Música me faz bem e
8. Sou amiga mesmo e inimiga também! Ahahah

Meus 8 convidados ao PRÊMIO!

http://porentreletras.blogspot.com
http://georgio-rios.blogspot.com
http://docekeri.blogspot.com
http://arvoreando.blogspot.com
http://sempreemtransito.blogspot.com

http://lotusayune.blogspot.com
http://paixpournous.blogspot.com
http://esteranca.blogspot.com


Abraços!


Da série MARÇO chegando e a idade também!

http://equilibrioctb.blogspot.com/2008/11/sim-e-no-em-busca-do-equilbrio.html

26 de fevereiro de 2009

Se decidam viu?

Na terça-feira 17, o Instituto Nacional do Câncer, na França, divulgou um documento no qual listava os principais fatores que aumentam o risco da doença e também aqueles que ajudam a proteger os indivíduos da enfermidade.

Encabeçando a relação das maiores ameaças estavam as bebidas alcoólicas. Todas, inclusive o vinho. De acordo com a instituição francesa, o consumo diário de apenas uma taça aumenta consideravelmente a chance de uma pessoa desenvolver tumores. Por isso, a recomendação dos especialistas foi a de que os franceses parem de tomar qualquer bebida contendo álcool. Ou que pelo menos diminuam as doses e a frequência de consumo.
Segundo os franceses, beber uma taça por dia de qualquer produto do gênero eleva em 9% o risco de uma pessoa ter tumores de cólon, em 28% o de surgimento de câncer de esôfago e em até 168% a possibilidade de o indivíduo vir a sofrer de um câncer de boca, faringe ou laringe.
Segundo os franceses, a principal causa desse aumento de risco é a transformação, no organismo, do etanol da bebida em acetaldeído, molécula carcinogênica. No Brasil, porém, o cirurgião Luiz Paulo Kowalski, diretor do Departamento de Cirurgia da Cabeça e do Pescoço do Hospital A. C. Camargo, em São Paulo, pondera a questão. De acordo com ele, há indivíduos que conseguem transformar o composto em um outro, o acetato, inofensivo ao organismo.
Enquanto isso, o ovo, que já foi banido do cardápio, acusado de aumentar o colesterol ruim, foi reabilitado. Um trabalho da Universidade de Surrey, na Inglaterra, mostrou que o consumo diário de dois ovos por dia não eleva o nível da gordura no sangue. Os cientistas compararam as taxas de colesterol em dois grupos de pacientes que estavam em dieta e que foram acompanhados por 12 semanas. Um ingeriu dois ovos diariamente e o outro, não. Ao final, todos perderam peso e apresentaram queda na quantidade da gordura.

Se decidam viu?

24 de fevereiro de 2009

É por amor!




É por amor!
Sim, é por amor à vida que cantamos e tantas vezes choramos também.
É por amor à vida que estamos lutando e vamos andando lentamente para buscar a luz e a liberdade das manhãs de sol!

É por amor!
Sim, é por amor à vida, evidentemente, que encaramos de frente essa imensa dor que se nos impõe nesse reinado amargo do ódio presente!
É por amor à vida que estamos nas ruas, nas praças, nas estradas e gritamos palavras de ordem de uma nova ordem!

Sim, é por amor
É por amor à vida que marchamos nas madrugadas de lua nova levando nos braços a fúria das tempestades prontos a resgatar a terra que nos tomaram.
Vamos replantar as flores e as sementes que há séculos estão em cio!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que profundamente doloridos recolhemos em nossos braços os que foram brutalmente feridos e quando já não podemos devolver-lhes a respiração nós comungamos de seu sangue e os fazemos ressuscitar em milhares de vidas e sorrisos!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que escrevemos nas pedras os poemas da esperança rebelde que pichamos nos muros e nas portas as frases corajosas de um futuro novo que dançamos nas festas de sábado no batuque do carnaval de um povo livre!

É por amor que nos abraçamos
Que nos beijamos na esquina e já não tememos andar de braços dados seguindo a bandeira da paz e da ternura consequente!

É por amor!
Sim, é por amor à vida que desesperadamente amamos!


Zé Vicente

21 de fevereiro de 2009

Idade certa...

Existe somente uma idade para a gente ser feliz. Somente uma época na vida de cada pessoa...

em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldade e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer

Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida à nossa própria imagem e semelhança e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor...

Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo novo, de novo e de novo,e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se....



...PRESENTE e tem a duração do instante que passa...








VIVA!

20 de fevereiro de 2009

É carnaval...Escolha seu bloco!

Lembro dos meus primeiros carnavais...
Eram bons, mais inocentes, mais divertidos!
Minha mãe levou-me no primeiro aos 6 meses de idade, depois quando cresci fui em alguns bailes, mas depois vi que a coisa perde o sentido...

Ainda existem festas boas e divertidas pelo Brasil, umas mais tradicionais e livres, outras mais "mercadológicas", outras mais televisivas e pra "inglês ver"...
Particularmente gostava da emoção dos blocos, da "junção", da combinação pra fazer a roupa, o clima que envolvia, amigos, alegria, etc...

Pelo Brasil afora existem muitos blocos de carnaval! Cada um mais criativo que o outro!

Eis alguns nomes que selecionei, escolha o seu...

Recife-Olinda
Eu Acho é Pouco
Ceroulinha
Quanta Ladeira
Filhos de Glande
Vai morrer pra lá
Vai dar na praia
Acorda pra tomar gagau
Que sunga horrível
As Virgens de Olinda

Rio de Janeiro
Vem ni mim que eu sou Facinha
Xupa mas não baba
Se não quer me dar... me empresta
Cutucano Atrás
Bangalafumenga
Bafo da Onça
Meu Bem, Volto Já
Concentra mas não sai
Empurra que pega
Suvaco de Cristo
Quem num Guenta Bebe Água
Azeitona Sem Caroço
Cordão Agoniza Mas Não Morre
Me Beija Que Sou Cineasta
São Paulo
Unidos da Maria Antônia
Classe A
Bloco da Ressaca
Baita Clã
Confraria do Pasmado
Bloco das Emílias e Viscondes
Bloco dos Esfarrapados
Bloco Agora Vai
Não trema na linguiça
Para entrar no clima! hehe

19 de fevereiro de 2009

Pelos olhos de uma criança

Quando olho dentes de leão, eu vejo ervas daninhas invadindo meu quintal.Meus filhos vêem flores para mamãe e sopram a penugem branca pensando em um desejo.

Quando olho um velho mendigo que me sorri, eu vejo uma pessoa suja que provavelmente quer dinheiro e eu me afasto. Meus filhos vêem alguém sorrir para eles e sorriem de volta!

Quando ouço uma música, eu gosto. Mas não sei cantar e não tenho ritmo; então me sento e escuto.

Meus filhos sentem a batida e dançam, cantam e não sabem a letra, criam a sua própria.

Quando sinto um forte vento em meu rosto, me esforço contra ele, sinto-o atrapalhando meu cabelo e empurrando-me para trás enquanto ando.

Meus filhos fecham seus olhos,abrem seus braços e voam com ele,até que caiam a rir pela terra.

Quando oro, eu digo tu e vós e conceda-me isto, dê-me aquilo.

Meus filhos dizem,''Olá Deus! Agradeço por meus brinquedos e meus amigos!! Por favor, mantenha longe os maus sonhos hoje à noite. Eu ainda não quero ir para o céu. Eu sentiria falta de minha mamãe e do meu papai".

Quando olho uma poça de lama eu dou a volta. Eu vejo sapatos enlameados e tapetes sujos.

Meus filhos sentam-se nela. Vêem represas para construir, rios para cruzar e bichinhos para brincar.

Eu só queria saber se os filhos nos foram dados para lhes ensinarmos ou para aprendermos.


Eu recomendo que você aprecie as pequenas coisas da vida, porque um dia poderá olhar para trás e descobrir que eram grandes coisas.


E, pra finalizar, desejo a você grandes poças de lama... E dente-de-leão!!!


[Desconheço autor]

17 de fevereiro de 2009

Chove no meu coração!


Dia molhado, meu rosto também.
Um frio úmido em eu coração.
É ausência...

As gotas das árvores, são minhas lágrimas.
Ar molhado, sufocante...

Hoje anoiteceu quando o dia raiou.
Não sei se é a hora ou o momento...

Chove em meu coração.
Chuva de inconstância e inquietudes!

Retiro voluntário faço eu.
Cada gota que cai parece o tempo contando...
São gotas de esperança!
E essa chuva miúda que não passa,
Enquanto minha vida se decide...

Chove em meu coração, uma garoa teimosa...
Sozinha, com sabor de presença.

E essa chuva traz um mar de ilusões, pensamentos...
Grandes demais para mim!

E as nuvens estão indo... Doces e com cheiro de novo!
Chove em meu coração, uma chuvinha refrescante...
E assim vai ser, o dia todo!

16 de fevereiro de 2009

Mundo!

Um cientista muito preocupado com os problemas do mundo passava dias em seu laboratório, tentando encontrar meios de minorá-los.

Certo dia, seu filho de 7 anos invadiu seu santuário decidido a ajudá-lo. O cientista, nervoso pela interrupção, tentou fazer o filho brincar em outro lugar.

Vendo que seria impossível removê-lo, procurou algo que pudesse distrair a criança. De repente, deparou-se com o mapa do mundo. Estava ali o que procurava.

Recortou o mapa em vários pedaços e, junto com o rolo de fita adesiva, entregou ao filho dizendo:

- Você gosta de quebra-cabeças? Então vou lhe dar o mundo para consertar: Aqui está ele todo quebrado.Veja se consegue consertá-lo bem direitinho! Mas faça tudo sozinho!

Pelos seus cálculos, a criança levaria dias para recompor o mapa.
Passadas algumas horas, ouviu o filho chamando-o calmamente.

- Papai, pai, já terminei tudinho! A princípio, o pai não deu credito às palavras do filho. Seria impossível na sua idade conseguir recompor um mapa que jamais havia visto.

Relutante, o cientista levantou os olhos de suas anotações, certo de que veria um trabalho digno de uma criança. Para sua surpresa, o mapa estava completo.
Todos os pedaços haviam sido colocados nos devidos lugares. Como seria possível? Como o menino havia sido capaz?

- Você não sabia como era o mundo, meu filho, como consegiu?

-Pai, eu não sabia como era o mundo, mas quando você tirou o papel da revista para recortar, eu vi que do outro lado havia a figura de um homem.

Quando você me deu o mundo para consertar, eu tentei, mas não consegui.

Foi aí que me lembrei do homem, virei os recortes e comecei a consertar o homem que eu sabia como era. Quando consegui consertar o homem, virei a folha e vi que havia consertado o mundo.

Autor desconhecido.

15 de fevereiro de 2009

Mano

No dia em que você nasceu, em algum lugar, uma planta floriu, o sol brilhou ainda mais forte, e enquanto o vento se movia pelo oceano, ele sussurrou seu nome...

Lembro dos primeiros meses, pequeninho, lindo...
Nasceu no ano mais importante de minha vida. 1998.

Muitos momentos, nesse pouco de anos que tens, foram inesquecíveis.
O crescimento, os dentinhos trocando, as rebeldias, as "namoradinhas", tudo muito lindo e engraçado.


Sempre que sentir o cheiro da chuva, ouvir o canto dos pássaros, ou uma borboleta colorida ao sol, saiba que alguém pensa em você e lhe deseja muita paz.

Eu amo te amar... És meu mano, único, e meu companheirinho de pipocas e filmes... Ah! De ficar acordada até de madrugada contando histórias.

Felicidades. Muita saúde e alegrias. Que teu riso nunca cesse.
Feliz Aniversário Paulinho!



13 de fevereiro de 2009

Sexta-feira, dia 13... Dia de SELO!

Resolvi "ressuscitar" meu SELO DELÍCIA!
Sim, o Sem Gorduras Trans tem um selo, já havia presenteado alguns blogs com ele.
Que acham de todo dia 13 provarem outros blogs???
Como todo selo tem uma idéia, proposta, etc... O meu não é diferente!
Vi e recebi alguns selos, acho que o que vou propor é legal e ajudará no propósito da "coisa": conhecer os blogs e os/as blogueiros/as!

Eis a idéia:

Vou pedir que os blogueiros que receberem o SELO respondam questões inspiradas em um formato de perguntas seqüenciais que foi consagrado pelo escritor francês Marcel Proust, do começo do século 20.

O escritor francês Marcel Proust (1871-1922), considerados por muitos o autor do maior romance do século XX, "Em Busca do Tempo Perdido", participou, em duas ocasiões festivas, em seus treze e vinte anos de idade, de uma brincadeira que era algo comum em festas de sociedade de seu tempo: preencher um questionário com perguntas pessoais.

Tornou-se célebre ao serem encontrados os manuscritos desses dois questionários respondidos pelo romancista e uma compilação de perguntas deles retiradas passou a ser conhecida como o Questionário de Proust e usada por vários órgãos de imprensa como uma forma interessante de capturar um pouco da personalidade de seus entrevistados. O mais famoso deles é o Proust Questionnaire que a revista americana Vanity Fair publica em sua última página, a cada edição, com as respostas das mais instigantes personalidades daquele país.

Alguém aí lembra dos questionários que fazíamos na infância?? Eu pelo menos respondi e elaborei vários cadernos, onde meus colegas de escola tinham que responder questões pessoais, gostos, etc...

Bom, vamos às REGRAS, ao SELO e ao QUESTIONÁRIO!

REGRAS:

1 - Linkar, seguir e comentar no BLOG que te INDICOU!

2 - INDICAR 3 BLOGS DELICIOSOS e AVISÁ-LOS!

3 - RESPONDER o questionário.

4 - Não alterar as regras e o número de blogs indicados!

5 - Deixar livre se o blogueiro/a não quiser o selo/questionário.

O SELO:











>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
QUESTIONÁRIO:
1 - Quem é você?
2 - Qual o seu ideal de felicidade?
3 - Qual a maior dor que já enfrentou na vida?
4 - Quando chorou pela última vez?
5 - Quando teve um acesso de riso pela última vez? Por quê?
6 - Com que figura histórica você mais se identifica?
7 - Que pessoa viva você mais admira? E a que mais detesta?
8 - Qual o traço que você mais deplora em si mesmo?
9 - Que traço você mais deplora nos outros?
10 - Qual é a sua maior extravagância?
11 - Quem gostaria de ter sido se pudesse viver outra vida?
12 - O que catalogaria como uma grande tragédia na vida?
13 - O que escreveria em sua lápide?
14 - Qual é o seu lema?
15 - Qual você considera ser a mais importante virtude?
16 - Quais são os seus nomes favoritos?
17 - Em que ocasiões você mente?
18 - Que talento você mais gostaria de ter?
19- O que você considera a sua maior conquista pessoal?
20- Como você gostaria de morrer?


OS DELICIOSOS:
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
Espero que gostem da idéia!
Todo dia 13 vou postar o SELO para 3 blogs com as regras.
Talvez o qustionário possa mudar... Vamos ver!
Abraços.

12 de fevereiro de 2009

Comendo palavras



Queria eu poder brincar com as palavras e com elas dizer tudo que sei e sinto.
Voariam elas como bolas de sabão? Estourariam em teus ouvidos?

Talvez teríamos muitas palavras soltas, sem sentido ou razão...
Não seriam como pedras... Sei bem! Sou vidraça afinal!

Eu queria ser porta voz da vida... Afinal muitos não a escutam.
Ou fingem não escutar, é melhor assim.

Queria eu poder brincar com as palavras e com elas desabafar com você.
Aquilo que não disse quando podia e deveria ter dito.

Eu te amo, eu acredito, seja feliz... São tantas...
Seriam apenas palavras soltas, mas as que eu quero dizer!

Algumas palavras me acordam na madrugada. Movimentam-se com velocidade...
Tomam conta de tudo, de mim, de nós. Atropelam meus sonhos.

Queria eu poder brincar com as palavras...Acarinhar você com todas elas!
As palavras são assim, sempre o começo de tudo e, infelizmente, o final!







11 de fevereiro de 2009

Como prece...

Alguns dias são melhores, outros, é melhor esquecer!

Quando anoitecer pense nas coisas boas da vida, nos reencontros, nos risos e lágrimas de felicidade...

Adormeça sonhando com a esperança que traz o amanhã.



Quando o vento soprar desânimo no teu coração e o mundo parecer contra ti, seja paciente!
Assim como o vento, essas tribulações passam...

A bondade e gentileza ainda são as melhores armas.

Busque o vento para o seu sonho, depois deixe seu coração voar livremente...
A noite ainda será a melhor aliada!
Assim como as cores que se desfazem no crepúsculo, trazendo esperança para um amanhã radiante.

Alguns ventos, muitas vezes, nos desviam do caminho.

Mas a habilidade que temos de sonhar nos ajudam a perceber...
E... surpresas boas virão. Como prece...

9 de fevereiro de 2009

A espera

Devia estar perto.
Não está!

As ondas que atigem meus pés são como lembranças...
Vão e voltam. Inconstantes...

Uma apereza fica depois, entre os dedos.
Areia e minhas lágrimas.

No boca aquele salgado da saudade e do mar.
Verde inquieto, igual a esperança... Mas às vezes é azul.

Estou atenta aos sinais que a vida dá.
Calores de alegria, sol de razões frágeis.

Vou segurando meus planos, como areia entre os dedos.
Ondas boas virão, vejo no horizonte...

Estou com meus pés na beira desse oceano de chances,
Miragem de meus sentidos... Todos embriagados pela saudade.

A cada vai e vem das ondas, tudo muda.
Sem um som, nadinha...

E assim vai ser, com paz e alegrias.
Vou guardar as palavras restantes, esperando as próximas ondas...


7 de fevereiro de 2009

Sábado recheado - parte 1

Recebi este selo do amigo blogueiro Glaukitos!





Aí estão as regras:
1- Indicar e linkar a pessoa que te indicou.
http://glaukitos.blogspot.com

2- Postar as regras do selo/meme em seu Blog.
3- Contar os 3 posts, do seu Blog, que você mais tem orgulho de ter feito.
4- Indicar mais 3 pessoas e incluir o link delas no post.
5-Deixar um comentário no Blog indicado, informando a sua indicação.

Três post's que me orgulho:
1) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/ritos.html
2) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/coisas-pro-ano.html
3) http://semgordurastrans.blogspot.com/2009/01/t-viciada.html

Meus indicados ao meme-selo:
1) http://olhosdemar.blogspot.com
2) http://sempreemtransito.blogspot.com
3) http://brucolita.blogspot.com

5 de fevereiro de 2009

Mil cores




Em voo livre...
Tudo está, neste instante.

Enrolei-me sobre mim mesma.
Casulo profundo...

Manto frágil esse, parece esperança, um tanto amarelada!
As cores todas aí, na minha frente.

Fechei os olhos, enxerguei sons e vultos...
Tentei não enxergar o óbvio... Falhei!

Há uma doçura no horizonte, com mil cores...
Um dia diferente. Será assim.

Enrolarei meu futuro numa fita de presente, lilás...
Meu momentos passados estão naquela caixa, amarela.

Tenho fitas brancas, da calma, farei um laço lindo nos pensamentos.
A certeza será em papel de seda, com muitas fitas ao redor... De mil cores!












4 de fevereiro de 2009

Vida!


Sim, a minha!
Ando enrolando os dias sobre mim!
Talvez precise de uma transfusão, de cores e energias novas!
Sim, a minha vida, anda meio assim...

Sopram ventos fortes, nem sinto.
Apenas sinto uma tempestade cavalgando no horizonte...

Vida! Seguindo, com poucas referências.
Mais dúvidas que dívidas... Isso nem sempre é bom.

Te digo que não sei de onde vem esse rio de impaciência.
Desconheço a nascente, talvez nem queira saber.

Até choro em silêncio, nas lágrimas digo que não sei a distância a percorrer.
Mas posso resolver ir naquele barco, azul, lá no horizonte.

Vida, sim a minha...
Anda abrindo caminhos no silêncio.

Entre ruas coloridas, sons diferentes e um enorme sol lá fora.
Por onde vou decorando o sentido da espera, e hoje, como sempre apenas marcando o bater das horas...