20 de junho de 2009

Olhei e gostei!




Depois de relutar voltar a assistir televisão, assisti a série "Tudo Novo de Novo", na Globo.
Confesso que não tinha visto nada igual.
A proposta da série, um formato "mais real" das famílias brasileiras, sem aqueles chavões das novelas, onde tudo é demasiado certinho e previsível.
Achei que os assuntos ali abordados são sérios, reais e estão tratando tudo com muita seriedade e detalhes bem interessantes.

Os atores escolhidos são ótimos! A muito tempo não via nada na tv que me chamasse atenção pelos temas abordados e a forma tão realista.

Soube, por sites de programação da tv aberta, que a Globo não pretende continuá-la, a justificativa seria que essa "nova família" não teria empolgado.

Pais separados, filhos com crises de adolescência, drogas, homossuexualismo, traição, idosos querendo refazer suas vidas...

Minha reação foi mais ou menos assim: Como a Globo coloca algo no ar sem cenas de sexo e violência??

Tudo Novo de Novo tem charme, diálogos complexos e completos. Não sei quanto de vida terá, mas irei assitir.

Claro, que, para quem coloca nos ar programas tão ruins, a exemplo de Zorra Total, fica difícil manter algo bom no ar. Mas não custa torcer para que continue!

7 comentários:

  1. Nunca assisti... Mas agora fiquei curiosa rss...

    Valeu!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. por isso q eu assisto
    o/
    enquanto pessoas desencanam com programas d tv..eu desencanei com meu time
    kkkkkkkkkk


    bom
    vim tbm pra dizer
    q deixei o bagageiro do spaceblog.
    e migrei para o:
    www.bocadekabide.blogspot.com

    continuo com o mesmo conteúdo interessante, engraçado e comicuzinho.

    tá convidad a ir lá pra manter nossos assuntos e comentários em dia.
    grande abraço.
    ótimo fds
    e será bm vind lá...

    ResponderExcluir
  3. É bom mesmo, concordo.
    Pena que não agradou a todos.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. vo começar aa asistir soh pq vc citou.. senao eu nm queria saber..
    bj
    aloha

    ResponderExcluir
  5. Já assisti alguns episódios e também achei bem bom. Acho que deveria continuar passando. E sobre o Zorra Total, poderia acabar. Se passassem um filme bom era bem melhor.

    bjaoooo.

    ResponderExcluir
  6. Olha .. Eu assisti alguns capítulos ...
    Infelizmente, penso que a globo, mesmo querendo abordar uma família mais 'real' continua estereotipando como sempre... Os papéis são bastante demarcados .... As mulheres continuam com a tarefa do lar e de 'cuidar' as crianças ... Os homens são uns irresponsáveis, idiotas e imbecis ..
    Há muito que se pensar a respeito... A sátira da 'grande família', por exemplo, perpetua pepéis sociais de construção de gênero, ainda preponderantes nas relações de poder de nossa sociedade... Vejo que esta nova série procura mostrar uma família mais parecida com as que conhecemos na vida real, ou seja, não mais aquele modelo: pai, mãe e filhos, mais ainda demarcando claramente papéis e estereótipos de gênero e relações de poder ...
    Enfim, é um círculo vicioso, o que vem antes, o ovo ou a galinha? Agimos assim e assim a TV mostra ou a TV mostra e assim agimos?

    ResponderExcluir
  7. Tens razão Roséli, e creio que isso não irá mudar. Pois as mulheres fielmente preferem cuidar das coisas do lar e dos filhos.
    O que citei sobre o previsível nas novelas foi sobre sabermos como as coisas vão transcorrer, achei isto de diferente na série. No meu post não quis fazer nenhuma reflexão sobre gênero. Confesso que já cansei destas discussões.

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

20 de junho de 2009

Olhei e gostei!




Depois de relutar voltar a assistir televisão, assisti a série "Tudo Novo de Novo", na Globo.
Confesso que não tinha visto nada igual.
A proposta da série, um formato "mais real" das famílias brasileiras, sem aqueles chavões das novelas, onde tudo é demasiado certinho e previsível.
Achei que os assuntos ali abordados são sérios, reais e estão tratando tudo com muita seriedade e detalhes bem interessantes.

Os atores escolhidos são ótimos! A muito tempo não via nada na tv que me chamasse atenção pelos temas abordados e a forma tão realista.

Soube, por sites de programação da tv aberta, que a Globo não pretende continuá-la, a justificativa seria que essa "nova família" não teria empolgado.

Pais separados, filhos com crises de adolescência, drogas, homossuexualismo, traição, idosos querendo refazer suas vidas...

Minha reação foi mais ou menos assim: Como a Globo coloca algo no ar sem cenas de sexo e violência??

Tudo Novo de Novo tem charme, diálogos complexos e completos. Não sei quanto de vida terá, mas irei assitir.

Claro, que, para quem coloca nos ar programas tão ruins, a exemplo de Zorra Total, fica difícil manter algo bom no ar. Mas não custa torcer para que continue!

7 comentários:

  1. Nunca assisti... Mas agora fiquei curiosa rss...

    Valeu!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. por isso q eu assisto
    o/
    enquanto pessoas desencanam com programas d tv..eu desencanei com meu time
    kkkkkkkkkk


    bom
    vim tbm pra dizer
    q deixei o bagageiro do spaceblog.
    e migrei para o:
    www.bocadekabide.blogspot.com

    continuo com o mesmo conteúdo interessante, engraçado e comicuzinho.

    tá convidad a ir lá pra manter nossos assuntos e comentários em dia.
    grande abraço.
    ótimo fds
    e será bm vind lá...

    ResponderExcluir
  3. É bom mesmo, concordo.
    Pena que não agradou a todos.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. vo começar aa asistir soh pq vc citou.. senao eu nm queria saber..
    bj
    aloha

    ResponderExcluir
  5. Já assisti alguns episódios e também achei bem bom. Acho que deveria continuar passando. E sobre o Zorra Total, poderia acabar. Se passassem um filme bom era bem melhor.

    bjaoooo.

    ResponderExcluir
  6. Olha .. Eu assisti alguns capítulos ...
    Infelizmente, penso que a globo, mesmo querendo abordar uma família mais 'real' continua estereotipando como sempre... Os papéis são bastante demarcados .... As mulheres continuam com a tarefa do lar e de 'cuidar' as crianças ... Os homens são uns irresponsáveis, idiotas e imbecis ..
    Há muito que se pensar a respeito... A sátira da 'grande família', por exemplo, perpetua pepéis sociais de construção de gênero, ainda preponderantes nas relações de poder de nossa sociedade... Vejo que esta nova série procura mostrar uma família mais parecida com as que conhecemos na vida real, ou seja, não mais aquele modelo: pai, mãe e filhos, mais ainda demarcando claramente papéis e estereótipos de gênero e relações de poder ...
    Enfim, é um círculo vicioso, o que vem antes, o ovo ou a galinha? Agimos assim e assim a TV mostra ou a TV mostra e assim agimos?

    ResponderExcluir
  7. Tens razão Roséli, e creio que isso não irá mudar. Pois as mulheres fielmente preferem cuidar das coisas do lar e dos filhos.
    O que citei sobre o previsível nas novelas foi sobre sabermos como as coisas vão transcorrer, achei isto de diferente na série. No meu post não quis fazer nenhuma reflexão sobre gênero. Confesso que já cansei destas discussões.

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...