12 de março de 2009

Todo mundo tem...

a opinião e o sentimento de si mesmo!
Sim, ela mesma, a auto-estima!
Um bocado de gente, principalmente nesta época do ano, anda com a bichinha meio bamba.
Muitas coisas contribuem, crise financeira, mês sem feriados, muito acúmulo de trabalho, indefinições, vida amorosa mal, etc...
Fico muito triste quando ouço as pessoas se auto "mutilando", falando de si como se não tivessem valor algum. Acredito que só piore mais a situação, ficar se culpando pela forma como encara a vida e como age diante das situações do dia a dia.
Sabemos pela psicologia que a auto-estima começa a se formar lá na infância, na fase adulta, as experiências do passado influenciam muito. Até um tempo atrás eu nem dava muito crédito as análises feitas sobre este tema. Confesso que ultimamente tenho encontrado muitas razões para entendê-lo.
A auto-estima influencia tudo que fazemos, ela é tudo que acreditamos ser. Eis alguns elementos interessantes de serem melhor observados: confiança em si mesmo, intuição, acreditar na "voz interior", respeitar nossos limites, reconhecer nossos valores, expressar nossos sentimentos com liberdade, sentir-se competente, conseguir ser independente da avaliação e aprovação dos outros...
Isso tudo ajuda a termos uma melhor auto-estima, não é fácil, eu estou tentando conciliar e dosar todos esses elementos!
Gostei dessa frase do L.Fernando Veríssimo, acho que traduz bem o que representa termos uma vida e uma auto-estima "meia boca"!

"Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando... Porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu..."

9 comentários:

  1. "Auto-estima",a minha está em baixa ultimamente!

    ResponderExcluir
  2. anda com a bichinha meio bamba.
    kkkkk ¬¬ mais enfim... começo de anos o povo fica meio triste mesmo!!

    =/

    ResponderExcluir
  3. valeu pelas dicas...e pelo comentário..um abraço...

    parabéns pelo blog..

    ResponderExcluir
  4. eh verdade... perdemos muito tempo e oportunidades pq ficamos preocupados com o que os outros vão pensar... besteira!
    ah! tabém adoro essa frase!

    bjAOOOO

    ResponderExcluir
  5. equilibrar todos esses elementos não é algo tão simples. as influências e estímulos externos são muitos.
    somos toda hora cobrados pelos outros, mas às vezes nós mesmos nos tornamos nosso próprio carrasco.

    tema amplo esse.
    adorei o post.

    beijos!

    ResponderExcluir
  6. uma ingeção de bom humor e reflexão no meu dia
    e a foto foi tudo!

    ResponderExcluir
  7. Não sou consumista, mas eis aih um artigo que eu gostaria que tivesse em qualquer farmácia ou 1,99 pra poder repor quando a minha se desgasta! Faz tanta falta!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Mudei meu link agora é http://olhosepensamentos.blogspot.com, espero te ver por lá sempre e postei o selinho com o questionario vai la da uma olhadinha

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

12 de março de 2009

Todo mundo tem...

a opinião e o sentimento de si mesmo!
Sim, ela mesma, a auto-estima!
Um bocado de gente, principalmente nesta época do ano, anda com a bichinha meio bamba.
Muitas coisas contribuem, crise financeira, mês sem feriados, muito acúmulo de trabalho, indefinições, vida amorosa mal, etc...
Fico muito triste quando ouço as pessoas se auto "mutilando", falando de si como se não tivessem valor algum. Acredito que só piore mais a situação, ficar se culpando pela forma como encara a vida e como age diante das situações do dia a dia.
Sabemos pela psicologia que a auto-estima começa a se formar lá na infância, na fase adulta, as experiências do passado influenciam muito. Até um tempo atrás eu nem dava muito crédito as análises feitas sobre este tema. Confesso que ultimamente tenho encontrado muitas razões para entendê-lo.
A auto-estima influencia tudo que fazemos, ela é tudo que acreditamos ser. Eis alguns elementos interessantes de serem melhor observados: confiança em si mesmo, intuição, acreditar na "voz interior", respeitar nossos limites, reconhecer nossos valores, expressar nossos sentimentos com liberdade, sentir-se competente, conseguir ser independente da avaliação e aprovação dos outros...
Isso tudo ajuda a termos uma melhor auto-estima, não é fácil, eu estou tentando conciliar e dosar todos esses elementos!
Gostei dessa frase do L.Fernando Veríssimo, acho que traduz bem o que representa termos uma vida e uma auto-estima "meia boca"!

"Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando... Porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu..."

9 comentários:

  1. "Auto-estima",a minha está em baixa ultimamente!

    ResponderExcluir
  2. anda com a bichinha meio bamba.
    kkkkk ¬¬ mais enfim... começo de anos o povo fica meio triste mesmo!!

    =/

    ResponderExcluir
  3. valeu pelas dicas...e pelo comentário..um abraço...

    parabéns pelo blog..

    ResponderExcluir
  4. eh verdade... perdemos muito tempo e oportunidades pq ficamos preocupados com o que os outros vão pensar... besteira!
    ah! tabém adoro essa frase!

    bjAOOOO

    ResponderExcluir
  5. equilibrar todos esses elementos não é algo tão simples. as influências e estímulos externos são muitos.
    somos toda hora cobrados pelos outros, mas às vezes nós mesmos nos tornamos nosso próprio carrasco.

    tema amplo esse.
    adorei o post.

    beijos!

    ResponderExcluir
  6. uma ingeção de bom humor e reflexão no meu dia
    e a foto foi tudo!

    ResponderExcluir
  7. Não sou consumista, mas eis aih um artigo que eu gostaria que tivesse em qualquer farmácia ou 1,99 pra poder repor quando a minha se desgasta! Faz tanta falta!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Mudei meu link agora é http://olhosepensamentos.blogspot.com, espero te ver por lá sempre e postei o selinho com o questionario vai la da uma olhadinha

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...