23 de janeiro de 2009

Ritos

Todos temos fases, momentos marcantes...
"Rito de passagem", já ouviram falar?

São celebrações ou um momento especial que marca uma nova fase da pessoa.

Nos dias de hoje, muitos permanecem, grupos, comunidades religiosas, grupos étnicos e outros continuam marcando fases da vida com alguns ritos.

Alguns ritos "mais modernos" são esvaziados do seu conteúdo simbólico. Batismo e festas de aniversário, de 15 anos, por exemplo, são alguns dos tipos de cerimônia, que hoje representam muito mais um compromisso social do que o início de uma nova fase na vida das pessoas. Perderam a "graça", fazem por fazer ou porque todo mundo faz!

O meu "rito de passagem" foi na juventude, quando participei de um grupo de jovens na paróquia onde eu frequentava. Até hoje tenho ótimas, emocionantes e belas lembranças.

Tudo que eu aprendi e pratico sobre responsabilidade, interesse pelos outros, solidariedade e todos os demais sentimentos bons e atitudes que tenho.

A gente achava que podia tudo, e depois a gente vê que podia mesmo. O ingrediente era sermos mais de um com o mesmo propósito.

Fase boa, passou, participei de outros grupos, a vida segue né...
E até hoje cultivo em mim aquela sensação de novidade em tudo que vejo, sinto e quero.

Fiz até um poeminha par ilustrar os sentimentos bons, os nossos ritos...

Meus ritos

Olhar o tempo, com olhos de vontade...
Defumar o incenso, com cheiro do momento.

Desfolhar flores, vermelhas, com a beleza necessária...
Enfeitar os cabelos, com enfeites de alegria.

Bem baixinho, uma prece...
Comungando o espírito em sintonia vigilante.

Limpar a mente, daquilo que não tem ritmo.
Despir o corpo e o coração, das coisas que não fazem sentido...

Celebrar as vitórias, beber e comer juntos...
Corrigir o que de errado sentir, abençoar o que de nobre surgir!

Iniciar uma dança, com todos, e assim ir trilhando passos, novos!
Mudar o som, desamarrar os sonhos... Que eles voem por aí!

Gestos, beijos, alegrias e choros.
Todos, sentir, sem tolir...

E assim posso continuar a ver...
No sopro do Espírito, a vida acontecer!






















E você? Qual foi seu rito de passagem, que mudou sua vida?

22 comentários:

  1. to escutando uma musiquinha.

    nao sei se é do seu blog.
    bem relaxante.

    ResponderExcluir
  2. Que delicia estar no seu blog... ouvindo essa musiquinha que o amigo falou ai e tb lendo seu poema parece que estou respirando o incenso!
    Um dos ritos de passagens: hmmm... e que classifica uma fase: ter feito um blog, vale?

    Muito bom!

    ResponderExcluir
  3. Música boa mesmo marcos^^

    acalma a alma

    tava aki pensando, um rito?...
    muita coisa aconteceu, micro-ritos, pseudo-ritos e ritos tbm propriamente ditos....

    mas o que mais MARCOU foi sem sombra de dúvida a minha formatura do ensino superior... Juntei toda minha familia (não devia ter feito isso) a familia do meu pai, a familia da minha mãe, e a minha familia mesmo (meus avós) hehehehehe, mas sabe virou uma bagunça...mas eu aprendi muito com isso, e me senti feliz aquele momento (mesmo as familias não estarem), então me iniciei a uma fase em que preciso de todos ao meu lado...


    "um tiro no escuro"

    beeeijo

    ResponderExcluir
  4. adoro esse tema dos ritos

    a vida eh feita disso

    de primeiros momentos,

    impressoes (teclado chileno sem til)

    e tudo mais

    teu blog eh mara

    bjo

    ResponderExcluir
  5. Que delicia!!!
    Por isso to sempre de olho no seu blog...amoooo

    ResponderExcluir
  6. O texto, a poesia, a imagem.... tudo se encaixa
    Lindo
    Parabens

    ResponderExcluir
  7. Lindo.. de mais..
    os ritos são necessários de mais pra construção de nossa personalidade.. gostei de mais

    Felipe

    ResponderExcluir
  8. lindo texto
    blog tah otimo
    original e bonito
    parabéns :D

    ResponderExcluir
  9. Realmente são os grupos, no meu caso, posso citaro da "igreja" que ainda faço parte e meu antigo grupo de teatro. Que saudade!
    Este poema ficou simplesmente maravilhoso.

    ResponderExcluir
  10. antes de mais nada... deka, te indiquei prum meme, só q é diferente, se até dia 31/01 vc o fizer, certinho, vc vai ganhar um prêmio... então tá indicada, ok? .. bjs.. alohaa... volto dps pra ler o post!!

    ResponderExcluir
  11. Meu rito foi provavelmente um marco na minha vida, onde tive que enfrentar meu maior medo e aquilo foi renascer.

    ResponderExcluir
  12. rito? hummm meu primeiro beijo talvez....rs

    ResponderExcluir
  13. Presentinho pra ti lá no meu mundo ;DD bjs

    ResponderExcluir
  14. A minha vivência paroquial moldou muita coisa em minha personalidade, mas não foi um rito de passagem e, sim, de permanência.
    Já experimentei vários ritos de passagem:o primeiro dia na escola, primeiro namorado, viagem sem os pais, vestibular, primeiro emprego. Cada um foi importante em determinado momento de minha vida e por isso mesmo inesquecível.

    ResponderExcluir
  15. Putz.. Já ouve tantos ritos de passagem em minha vida, apesar de eu ainda ter 22 anos..
    Mas acho que os que mais me marcaram foi a primeira música que compus, a primeira poesia publicada,minha primeira tatuagem e o primeiro show de rock que eu fiz!

    Adorei.. Passa lá no meu blog
    tá atualizado!
    bjaummm

    http://indiedeboteco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Acho que depois que levei um susto na vida.

    Tá um cara maneira seu blog.

    Visita o meu:

    http://noticiapop.com

    ResponderExcluir
  17. Lindo post... E realmente, casou perfeitamente com a musica...
    Aliás, meus momentos ou "passagens", as melhores, as piores, mesmo as mais comuns, geralmente são vinculadas a uma música, ou porque estivesse tocando n hora H ou porque o momento "resgata" a música da memória. Estive na praia alguns dias e me veio à cabeça, de repente, a música A Estrada, do Cidade Negra. Cabia direitinho no momento que a gente estava passando... Isso que ela já é bem antiga! E o resto do pessoal também começou a cantarolar... E ficou marcada como a música do veraneio de 2009! Vê se pode!! :o))

    Um abraço à "dona do blog" e a todos os privilegiados que passam por aqui!!

    ResponderExcluir
  18. Nunca parei pra pensar nos meus 'ritos', nem sei ao certo se tenho algum...
    Como sempre, muito gostoso estar aqui.

    Beijos querida.


    Ah! Tem um mimo pra vc lá no meu blog!!!

    ResponderExcluir
  19. Olá!!!!
    Dessculpa o atraso..;)
    comecei no cvv agora, percebi que existem pessoas que nescessitam de pelo menos um pouco de nós...tenho certeza que isso vai ser um grande rito em minha vida...mil bjuxx!!!!

    ResponderExcluir
  20. Tive 2 ritos que me marcaram muito...o primeiro foi um curso de ingles q fiz na california. Morar sózinho foi uma experiencia única.
    O segundo foi minha filha...é amor incondicional !!!

    Depois passa no 30 e poucos anos que tem alguns selos pra vc
    http://algunstrintaanos.blogspot.com/2009/01/novos-selos.html

    ResponderExcluir
  21. Tive 2 ritos que me marcaram muito...o primeiro foi um curso de ingles q fiz na california. Morar sózinho foi uma experiencia única.
    O segundo foi minha filha...é amor incondicional !!!

    Depois passa no 30 e poucos anos que tem alguns selos pra vc
    http://algunstrintaanos.blogspot.com/2009/01/novos-selos.html

    ResponderExcluir
  22. Deka! Já fiz a lição de casa, rss... Postei as sete coisas.

    Beijossss

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

23 de janeiro de 2009

Ritos

Todos temos fases, momentos marcantes...
"Rito de passagem", já ouviram falar?

São celebrações ou um momento especial que marca uma nova fase da pessoa.

Nos dias de hoje, muitos permanecem, grupos, comunidades religiosas, grupos étnicos e outros continuam marcando fases da vida com alguns ritos.

Alguns ritos "mais modernos" são esvaziados do seu conteúdo simbólico. Batismo e festas de aniversário, de 15 anos, por exemplo, são alguns dos tipos de cerimônia, que hoje representam muito mais um compromisso social do que o início de uma nova fase na vida das pessoas. Perderam a "graça", fazem por fazer ou porque todo mundo faz!

O meu "rito de passagem" foi na juventude, quando participei de um grupo de jovens na paróquia onde eu frequentava. Até hoje tenho ótimas, emocionantes e belas lembranças.

Tudo que eu aprendi e pratico sobre responsabilidade, interesse pelos outros, solidariedade e todos os demais sentimentos bons e atitudes que tenho.

A gente achava que podia tudo, e depois a gente vê que podia mesmo. O ingrediente era sermos mais de um com o mesmo propósito.

Fase boa, passou, participei de outros grupos, a vida segue né...
E até hoje cultivo em mim aquela sensação de novidade em tudo que vejo, sinto e quero.

Fiz até um poeminha par ilustrar os sentimentos bons, os nossos ritos...

Meus ritos

Olhar o tempo, com olhos de vontade...
Defumar o incenso, com cheiro do momento.

Desfolhar flores, vermelhas, com a beleza necessária...
Enfeitar os cabelos, com enfeites de alegria.

Bem baixinho, uma prece...
Comungando o espírito em sintonia vigilante.

Limpar a mente, daquilo que não tem ritmo.
Despir o corpo e o coração, das coisas que não fazem sentido...

Celebrar as vitórias, beber e comer juntos...
Corrigir o que de errado sentir, abençoar o que de nobre surgir!

Iniciar uma dança, com todos, e assim ir trilhando passos, novos!
Mudar o som, desamarrar os sonhos... Que eles voem por aí!

Gestos, beijos, alegrias e choros.
Todos, sentir, sem tolir...

E assim posso continuar a ver...
No sopro do Espírito, a vida acontecer!






















E você? Qual foi seu rito de passagem, que mudou sua vida?

22 comentários:

  1. to escutando uma musiquinha.

    nao sei se é do seu blog.
    bem relaxante.

    ResponderExcluir
  2. Que delicia estar no seu blog... ouvindo essa musiquinha que o amigo falou ai e tb lendo seu poema parece que estou respirando o incenso!
    Um dos ritos de passagens: hmmm... e que classifica uma fase: ter feito um blog, vale?

    Muito bom!

    ResponderExcluir
  3. Música boa mesmo marcos^^

    acalma a alma

    tava aki pensando, um rito?...
    muita coisa aconteceu, micro-ritos, pseudo-ritos e ritos tbm propriamente ditos....

    mas o que mais MARCOU foi sem sombra de dúvida a minha formatura do ensino superior... Juntei toda minha familia (não devia ter feito isso) a familia do meu pai, a familia da minha mãe, e a minha familia mesmo (meus avós) hehehehehe, mas sabe virou uma bagunça...mas eu aprendi muito com isso, e me senti feliz aquele momento (mesmo as familias não estarem), então me iniciei a uma fase em que preciso de todos ao meu lado...


    "um tiro no escuro"

    beeeijo

    ResponderExcluir
  4. adoro esse tema dos ritos

    a vida eh feita disso

    de primeiros momentos,

    impressoes (teclado chileno sem til)

    e tudo mais

    teu blog eh mara

    bjo

    ResponderExcluir
  5. Que delicia!!!
    Por isso to sempre de olho no seu blog...amoooo

    ResponderExcluir
  6. O texto, a poesia, a imagem.... tudo se encaixa
    Lindo
    Parabens

    ResponderExcluir
  7. Lindo.. de mais..
    os ritos são necessários de mais pra construção de nossa personalidade.. gostei de mais

    Felipe

    ResponderExcluir
  8. lindo texto
    blog tah otimo
    original e bonito
    parabéns :D

    ResponderExcluir
  9. Realmente são os grupos, no meu caso, posso citaro da "igreja" que ainda faço parte e meu antigo grupo de teatro. Que saudade!
    Este poema ficou simplesmente maravilhoso.

    ResponderExcluir
  10. antes de mais nada... deka, te indiquei prum meme, só q é diferente, se até dia 31/01 vc o fizer, certinho, vc vai ganhar um prêmio... então tá indicada, ok? .. bjs.. alohaa... volto dps pra ler o post!!

    ResponderExcluir
  11. Meu rito foi provavelmente um marco na minha vida, onde tive que enfrentar meu maior medo e aquilo foi renascer.

    ResponderExcluir
  12. rito? hummm meu primeiro beijo talvez....rs

    ResponderExcluir
  13. Presentinho pra ti lá no meu mundo ;DD bjs

    ResponderExcluir
  14. A minha vivência paroquial moldou muita coisa em minha personalidade, mas não foi um rito de passagem e, sim, de permanência.
    Já experimentei vários ritos de passagem:o primeiro dia na escola, primeiro namorado, viagem sem os pais, vestibular, primeiro emprego. Cada um foi importante em determinado momento de minha vida e por isso mesmo inesquecível.

    ResponderExcluir
  15. Putz.. Já ouve tantos ritos de passagem em minha vida, apesar de eu ainda ter 22 anos..
    Mas acho que os que mais me marcaram foi a primeira música que compus, a primeira poesia publicada,minha primeira tatuagem e o primeiro show de rock que eu fiz!

    Adorei.. Passa lá no meu blog
    tá atualizado!
    bjaummm

    http://indiedeboteco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Acho que depois que levei um susto na vida.

    Tá um cara maneira seu blog.

    Visita o meu:

    http://noticiapop.com

    ResponderExcluir
  17. Lindo post... E realmente, casou perfeitamente com a musica...
    Aliás, meus momentos ou "passagens", as melhores, as piores, mesmo as mais comuns, geralmente são vinculadas a uma música, ou porque estivesse tocando n hora H ou porque o momento "resgata" a música da memória. Estive na praia alguns dias e me veio à cabeça, de repente, a música A Estrada, do Cidade Negra. Cabia direitinho no momento que a gente estava passando... Isso que ela já é bem antiga! E o resto do pessoal também começou a cantarolar... E ficou marcada como a música do veraneio de 2009! Vê se pode!! :o))

    Um abraço à "dona do blog" e a todos os privilegiados que passam por aqui!!

    ResponderExcluir
  18. Nunca parei pra pensar nos meus 'ritos', nem sei ao certo se tenho algum...
    Como sempre, muito gostoso estar aqui.

    Beijos querida.


    Ah! Tem um mimo pra vc lá no meu blog!!!

    ResponderExcluir
  19. Olá!!!!
    Dessculpa o atraso..;)
    comecei no cvv agora, percebi que existem pessoas que nescessitam de pelo menos um pouco de nós...tenho certeza que isso vai ser um grande rito em minha vida...mil bjuxx!!!!

    ResponderExcluir
  20. Tive 2 ritos que me marcaram muito...o primeiro foi um curso de ingles q fiz na california. Morar sózinho foi uma experiencia única.
    O segundo foi minha filha...é amor incondicional !!!

    Depois passa no 30 e poucos anos que tem alguns selos pra vc
    http://algunstrintaanos.blogspot.com/2009/01/novos-selos.html

    ResponderExcluir
  21. Tive 2 ritos que me marcaram muito...o primeiro foi um curso de ingles q fiz na california. Morar sózinho foi uma experiencia única.
    O segundo foi minha filha...é amor incondicional !!!

    Depois passa no 30 e poucos anos que tem alguns selos pra vc
    http://algunstrintaanos.blogspot.com/2009/01/novos-selos.html

    ResponderExcluir
  22. Deka! Já fiz a lição de casa, rss... Postei as sete coisas.

    Beijossss

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...