24 de fevereiro de 2008

Amigos

Poema do amigo aprendiz
Quero ser o teu amigo.
Nem demais e nem de menos.
Nem tão longe e nem tão perto.
Na medida mais precisa que eu puder.
Mas amar-te sem medida e ficar na tua vida,
Da maneira mais discreta que eu souber.
Sem tirar-te a liberdade, sem jamais te sufocar.
Sem forçar tua vontade.
Sem falar, quando for hora de calar.
E sem calar, quando for hora de falar.
Sem ausente, nem presente por demais.
Simplesmente, calmamente, ser-te paz.
É bonito ser amigo, mas confesso é tão difícil aprender!
E por isso eu te suplico paciência.
Vou encher este teu rosto de lembranças,
Dá-me tempo, de acertar nossas distâncias...

(Fernando Pessoa)

Talvez sob efeito da série "Queridos Amigos", tenho resgatado amigos e amigas que ao longo de minha pequena e muitas vezes fútil vida fui deixando pra trás. É um ótimo exercício, a gente se reconhece e se conhece mais. Somos uns idiotas sem ter com quem compartilhar a vida, com suas graças de desgraças!
Bom domingo, vou indo, visitar uma amiga...


Um comentário:

  1. e eu assisto a minissérie com caderno do lado...rs...cada tirada que faz pensar....

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

24 de fevereiro de 2008

Amigos

Poema do amigo aprendiz
Quero ser o teu amigo.
Nem demais e nem de menos.
Nem tão longe e nem tão perto.
Na medida mais precisa que eu puder.
Mas amar-te sem medida e ficar na tua vida,
Da maneira mais discreta que eu souber.
Sem tirar-te a liberdade, sem jamais te sufocar.
Sem forçar tua vontade.
Sem falar, quando for hora de calar.
E sem calar, quando for hora de falar.
Sem ausente, nem presente por demais.
Simplesmente, calmamente, ser-te paz.
É bonito ser amigo, mas confesso é tão difícil aprender!
E por isso eu te suplico paciência.
Vou encher este teu rosto de lembranças,
Dá-me tempo, de acertar nossas distâncias...

(Fernando Pessoa)

Talvez sob efeito da série "Queridos Amigos", tenho resgatado amigos e amigas que ao longo de minha pequena e muitas vezes fútil vida fui deixando pra trás. É um ótimo exercício, a gente se reconhece e se conhece mais. Somos uns idiotas sem ter com quem compartilhar a vida, com suas graças de desgraças!
Bom domingo, vou indo, visitar uma amiga...


Um comentário:

  1. e eu assisto a minissérie com caderno do lado...rs...cada tirada que faz pensar....

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...