27 de agosto de 2012

Sente-se

Sente-se à beira do amanhecer, 
o sol nascerá para você. 

Sente-se à beira da noite,
as estrelas brilharão para você.
Sente-se à beira do riacho,
o rouxinol cantará para você.

Sente-se à beira do silêncio,
Deus falará com você.

[L. Vahira]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

27 de agosto de 2012

Sente-se

Sente-se à beira do amanhecer, 
o sol nascerá para você. 

Sente-se à beira da noite,
as estrelas brilharão para você.
Sente-se à beira do riacho,
o rouxinol cantará para você.

Sente-se à beira do silêncio,
Deus falará com você.

[L. Vahira]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...