4 de dezembro de 2009

Tempo...


Sinto a falta imensa de qualquer coisa.... Será o fim do ano?
Tenho saudade talvez, daquelas tardes incrédulas, das noites recheadas de sonhos...

Tenho saudades de tudo aquilo que só nós experimentamos, da ausência de tudo e de todos, da saudade da saudade... Me impulsionava mais.

Sinto falta do cheiro, das cores e de tudo mais que só vi ali, aqui...
Sinto falta das chuvas sem hora marcada, do frio e do sol destemperados.

Tenho comigo a imensa certeza de que tudo um dia se repete, como um ciclo, cheio de vida e esperança...

4 comentários:

  1. saudade é coisa dificil mesmo... tem dia q tudo o q a gente tem a fazer é respirar.

    ResponderExcluir
  2. Acho que é o fim do anos que nos deixa assim mesmo... é um tempo de pura nostalgia...

    Bom findi pra ti tbm =)
    bjooo.

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...

4 de dezembro de 2009

Tempo...


Sinto a falta imensa de qualquer coisa.... Será o fim do ano?
Tenho saudade talvez, daquelas tardes incrédulas, das noites recheadas de sonhos...

Tenho saudades de tudo aquilo que só nós experimentamos, da ausência de tudo e de todos, da saudade da saudade... Me impulsionava mais.

Sinto falta do cheiro, das cores e de tudo mais que só vi ali, aqui...
Sinto falta das chuvas sem hora marcada, do frio e do sol destemperados.

Tenho comigo a imensa certeza de que tudo um dia se repete, como um ciclo, cheio de vida e esperança...

4 comentários:

  1. saudade é coisa dificil mesmo... tem dia q tudo o q a gente tem a fazer é respirar.

    ResponderExcluir
  2. Acho que é o fim do anos que nos deixa assim mesmo... é um tempo de pura nostalgia...

    Bom findi pra ti tbm =)
    bjooo.

    ResponderExcluir

Olá! Se está aqui, leu e quer dizer algo...